Jornal Impresso

Covid-19 completa um mês de chegada ao Brasil

Primeiro paciente diagnosticado foi curado. Sudeste e Nordeste lideram casos, diz Ministério. Idoso falece em Recife pela doença

Kelly Hekally
kellyhekally@ootimista.com.br

Albert Einstein atendeu os primeiros casos no Estado de São Paulo (Foto Ravena Rosa / Agência Brasil)

O Brasil completa hoje um mês da confirmação do primeiro caso do novo coronavírus (Covid-19). A doença teve início em dezembro de 2019 na China e chegou ao País aproximadamente dois meses depois. O registro foi de um homem do grupo de risco. Sua cura foi confirmada em 13 de março, cerca de 15 dias após a descoberta.

Desde o final de fevereiro, a Covid-19, que se concentrou inicialmente em São Paulo e no Rio de Janeiro, disseminou-se em todos os estados e atualmente se encontra em estágio de contaminação comunitária.

Segundo dados do Ministério da Saúde divulgados ao final da tarde de ontem (25), o país soma 2.433 casos confirmados e 57 mortes, uma delas registrada, também ontem, pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) de Pernambuco. O óbito é o primeiro no Nordeste.

A vítima é um homem de 85 anos, que estava internado no Hospital Universitário Oswaldo Cruz desde a última sexta-feira (20), dois dias depois de sentir os sintomas do novo coronavírus.

Números por região
De acordo com os mais recentes dados publicizados pelo Ministério da Saúde, depois do Sudeste, Nordeste é a região com mais notificações da Covid-19: 1.404 e 390, respectivamente.

Na sequência estão Sul, Centro-Oeste e Norte, com 313, 221 e 105 casos confirmados. O Ceará é o estado com mais infecções, precedido da Bahia, com 84. São Paulo, Rio Grande do Sul, Distrito Federal e Amazonas possuem mais casos em suas regiões.

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS