Panorama

Camilo decreta fechamento de empresas, suspensão de transportes e barreiras nas divisas

Governador Camilo Santana fez transmissão ao vivo na tarde desta quinta-feira, 19

Anuncio novas e importantes medidas de enfrentamento ao coronavírus…

Publicado por Camilo Santana em Quinta-feira, 19 de março de 2020

 

Redação O Otimista
ootimista@ootimista.com.br

O governador Camilo Santana decretou o fechamento das empresas pelos próximos dez dias no Ceará, entre os dias 20 e 29 de março. O decreto diz respeito a comércio, bares, restaurantes, indústrias, serviços públicos e privados dentre outros. As medidas são para impedir o avanço da Covid-19 no Estado.

O transporte público intermunicipal e o metrô também estão suspenso. Serão montadas barreiras nas divisas do Estado para controle sanitário.

Serviços essenciais, como hospitais, farmácias, supermercados e clínicas veterinárias podem se manter funcionando. Os restaurantes podem manter suas operações de delivery. Estabelecimentos comerciais que ficam dentro de hotéis também podem funcionar, desde que atendam apenas a quem está hospedado.

As medidas restritivas estão em decreto a ser publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) nesta quinta-feira, 19. O governador começou a live dizendo que são medidas duras, mas necessárias. Camilo diz ter consciência do impacto econômico do decreto, mas que a prioridade é preservar vidas. Ele voltou a fazer apelo para que população para que fique em casa.

Boletim da Secretaria da Saúde do Ceará desta quinta-feira, 19, aponta 24 casos de Covid-19 confirmados no Estado. No Brasil, conforme o último boletim do Ministério da Saúde, são 621. 

Caso apresente sintomas, ligue para 0800.2751475

Uma resposta para “Camilo decreta fechamento de empresas, suspensão de transportes e barreiras nas divisas”

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS