Política

Camilo diz que não cederá a pressões econômicas: “é fundamental, primeiro, que vidas sejam preservadas”

O petista garantiu que, em suas decisões ao enfrentamento à doença, ouve especialistas

Redação O Otimista
ootimista@ootimista.com.br

O governador Camilo Santana (PT) usou rede social, na manhã desta quinta-feira, 26, para argumentar suas decisões em combate ao coronavírus no Estado. “Deixo claro aos cearenses que as decisões que tomarmos no Ceará terão sempre como objetivo primeiro SALVAR VIDAS”, disse.

Deixo claro aos cearenses que as decisões que tomarmos no Ceará terão sempre como objetivo primeiro SALVAR VIDAS. E…

Publicado por Camilo Santana em Quinta-feira, 26 de março de 2020

O petista garantiu que, em suas decisões ao enfrentamento à doença, ouve especialistas. “O diálogo com os outros setores sempre vai existir, por que é assim que costumo agir. A economia, logicamente, será considerada nas decisões, principalmente no que atinge as pessoas mais pobres, os autônomos e desempregados”, continuou.

Para o gestor, o “Governo Federal e grandes empresas devem estar juntos ao Governo do Estado na busca das saídas” aos efeitos da Covid-19. “Não agirei mediante pressão de setor A ou B. É necessário que empregos sejam mantidos. E lutaremos por isso. Mas é fundamental, primeiro, que vidas sejam preservadas”, garantiu.

A postagem de Camilo repercute fala do presidente Bolsonaro que, na última terça-feira, 24, em pronunciamento em rede nacional, criticou governadores e prefeitos por fecharem escolas e o comércio para evitar a propagação do coronavírus. Governadores de diversos estados criticaram o discurso feito por Jair Bolsonaro.

Seja o primeiro a saber. Siga nossas redes sociais:
Instagramhttps://instagram.com/ootimista?igshid=18bwnrfep8gg6
Facebookhttps://m.facebook.com/Ootimista/
WhatsApp: 085 9 8155.2022

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS